[1]
Scopel, G. e Daronco, A. 2021. LESÕES ESPLÊNICAS FOCAIS COMO INDICADOR DE LEISHMANIOSE VISCERAL: UMA REVISÃO DE LITERATURA. FAG JOURNAL OF HEALTH (FJH). 3, 1 (mar. 2021), 72-78. DOI:https://doi.org/10.35984/fjh.v3i1.296.